sexta-feira, 3 de abril de 2009

PELE DA GALINHA FRITA (PURURUCA DE GALINHA)






















No post anteriror, galinhas bêbadas, eu tirei a pele da galinha, pois ela deixa o molho do frango muito gorduroso, mas você que é jovem, aliste-se no exército brasileiro, digo, você que pode ainda comer uma gordura, se suas artérias desconhecem o problema do alto colesterol, goza de uma boa saúde. Pegue essas peles, pois estamos em tempo de crise, e desperdiçar não é a solução para ela.
Reciclar sim, então, com sua melhor faca faça tirinhas com a pele que sobrou, numa panela com óleo a uma altura de um dedo indicador, na horizontal por favor, pois vamos fritar peles de galinha, um alimento letal se consumido sem prudência.
Jogue as tirinhas de pele no óleo quente e deixe dourar. Sal a gosto, uma cerveja bem gelada, pegue o telefone e disque 1...9...e se o coração começar a doer, disque o zero.
Lembre-se, o que não mata engorda.

2 comentários:

  1. Baaaaah que massa, eu não via a hora de tu postar outra receita. Agora sou freqüentadora (com ou sem trema...essa nova ortografia...) assídua do blog!

    ResponderExcluir
  2. Na verdade,isso é um mito - o grande vilão do colesterol nas veias é o produzido pelo fígado (cerca de 80%) e esse é mais influenciado pelas gorduras saturadas que a pele de frango quase que não tem. É claro que a pele de frango tem muito colesterol mas se for fritada adequadamente (óleo super quente), não será o maior de seus problemas.

    ResponderExcluir