quarta-feira, 1 de julho de 2009

RAVIOLI FRITO






















Coragem amigos o culinária tosca vai ampliar seus horizontes.
Não tenha medo de fritar nada, o óleo só melhora o sabor dos alimentos.
Esse post será o primeiro de um especial de frituras no blog, coisas que você nunca imaginou jogar no azeite, das mais diferentes formas, mas em doses homeopáticas, um de cada vez, para não matar ninguém e não te deixar com a cintura confusa do Fausto Silva, nem daquele apresentador do video-show, não o inexpressivo do Luigi Baricelli, esse nem vale a pena citar, aquele outro rapaz que nem para malhação servia.
Enfim, o filme está uma beleza, mais um passo que dou na brilhante carreira de atuação, fiz cursos que me ajudaram muito, como a Escola de Auto-Controle para Atores, Theo Becker, e o ingresso no nível Gabriela Duarte, da escola Duarte's Dramáticas.
Confira mais um suceso do Vergonha Alheia Própria Produções, ravioli frito.
Antes os ingredientes:

• Uma bandeija de ravioli (carne, frango, 4 queijos, ou presunto e queijo).
• Azeite, óleo de cozinha.
Essa receita é mais díficil que escrever roteiro de filme pornô.

O modo de preparo está no filme.
Bom filme!

4 comentários:

  1. guri, essa do fósforo para saber que o óleo tá no ponto é demais!e embora eu não possa com frituras, achei muito original essa massa frita!
    bjk
    bel , da elle

    ResponderExcluir
  2. Mauren (POA/RS - Tchê!)8 de maio de 2012 07:54

    aaaaaah mas eu adorei esta ideia. Vou fazer certo!

    ResponderExcluir
  3. tô na italia e aqui nao existe pastel, essa receita vai ser incriiiiivel pra matar a vontade! hahaha

    ResponderExcluir
  4. muito bom de ver esse filme.Valeu.Eu tinha dúvida se ficaria bom frito.Adorei esse cara aí na cozinha.Ele e seu cachorrinho.hehehehe

    ResponderExcluir