sábado, 16 de outubro de 2010

Arroz com Galinha e Tosca.














Vamos falar de amor.
Sobre os opostos que se atraem e os iguais que se procuram.
Sou o oposto. Sou lerdo, preguiçoso, com pouco senso de orientação, pareço burro ás vezes e sou canhoto, nem todas são qualidades.
Já Lucia é completamente o contrário, é destra, é muito inteligente, tem um GPS na cabeça, hiperativa e rápida na maioria das vezes, o que é uma grande vantagem.
Eu e Lucia nos amamos. Nos amamos tanto que fizemos uma filha, um amor incondicional.
Hoje os nossos opostos criam um ser humano maravilhoso.
O que tem em Alice é nossa completa mistura, mistura essa que tem em toda a criação da Baba, nossa cachorra.
A Preta Gil é o maior exemplo de que o amor por um filho é incondicional. Gil podia ter fugido da paternidade, mas resolveu ficar e amar muito essa criatura, digo, menina de maneira incondicional. Ele ligou muitas noites para ela pra ela e falou doce ao telefone "só chamei pra dizer te amo", porque ela precisava ouvir que era amada, ele precisava convence-la dissso. Ou mesmo quando chegava da escola e contava ao pai a coleção de apelidos que ouvia diariamente, ele a consolava disfarçando as gargalhadas, "não, não chores mais, menina não chore assim, não, não chores mais. bem que me lembro da gente sentado alí...". 
Preta sim, foi criada para dar e receber, muito amor.
Ela ama sem distinção, e foi amada da mesma forma, isso pode fazer com que ela seja confundida com uma galinha, isto é, uma Paris Hilton nacional e mal acabada. Só por amar pessoas como Otávio Müller, Felipe Shure do profissão repórter, o Márcio Vitor vocalista do Psirico, a Marlenne Mattos e o Giane, mas pra mim o Giane é meio arroz, tipo os namorados da Susana, Ana Maria...O Bruno de Lucca, que não come, só acompanha.
Está sem nenhum amor? Estão de chamando de gay ou lésbica e ainda não quer assumir? Muito, muito velha? Chama o arroz!
Ele pode ser amigo, namorado ou simplesmente um companheiro.
Sem moral, com baixa estima?
O arroz é o cara. O Bruno De Lucca é o cara.
Falando em arroz, penso que no amor valem as mesmas regras da culinária. Nem tudo precisa combinar, nem tudo tem que ser harmônico. Temos medidas e elas são importantes, respeitamos isso, é o que dá o tom de uma receita, o caminho. No entanto se passarmos da medida criamos um novo sabor, pode ser bom, pode ser ruim, mas importante é curtir o momento, apreciar, e fazer dele eterno enquanto dure. Mas e se o arroz encontra o amor? Se esse arroz encontra o ingrediente que faltava? A tampa da panela, a manteiga no pão?
Por fim, se em alguma balada aquilo que era pra ser apenas um favor, um acompanhamento, ou um capricho de não querer sair de casa sozinha, transforma-se num sentimento bem maior e mais bonito.
Nesse dia o Bruno de Lucca vai olhar nos olhos da Preta Gil, e vai sentir o amor. Aquilo que primeiro veio com o gostar, depois com a paixão e culminou com o amor eterno. Nesse exato momento teriámos um dos pratos mais populares da culinária gaúcha, e das mesas da minha familia. O Arroz com galinha.
Para fazer arroz com galinha é tão simples quanto amar, basta sentir, querer muito, olhar nos olhos, ter muita vontade e claro alguns cuidados. Como os ingredientes certos...

• 7 pedaços de Susanas Vieiras, (eu usei 3 sobrecoxas, 1 coxa, 2 coxinhas e 2 asas).
• 4 xícaras de namorados dela, parboilizado,  é o que eu prefiro, mas pode ser com o branco, camil, Tio João, Uncle Bens , o amor não tem preconceitos.
• 4 cebolas médias.
• 8 dentes de alho.
• 2 caldos de galinha, (isto é opcional, pode ser feito só com sal).
• Sal a gosto.
• Salsa e cebolinhas picadas, (pode servir separadamente).

Agora fique com o vídeo que a Vergonha Alheia Própria Produções fez para o Culinária Tosca participar do concurso do canal bem simples. No bem simples você irá encontar a versão curta do vídeo, com 4 minutos de duração. Pode fazer um comentário no vídeo para concorrer a uma cafeteira, tré chique, mas para isso tem que se cadastrar no site do bem simples
Mas só aqui no blog meus amigos verão a versão extendida do diretor.
Um filme de aproximadamente 8 minutos que conta com a participação muito especial de quem melhorou muito a audiência no blog e também minha performance na vida.
Bom vídeo a todos.

Um comentário:

  1. Gosto muito dos artigos de ótima qualidade do seu Blog. Quando for possível dá uma passadinha para ver nosso Curso de Ingles. Melissa

    ResponderExcluir